Por que os vídeos devem fazer parte da sua estratégia de conteúdo

O vídeo foi a modalidade dentro do marketing de conteúdo que mais chamou a atenção em 2015. E não é muito difícil entender o porquê. Esse formato oferece algumas vantagens em comparação a outras formas de exposição de conteúdo. Principalmente porque ele reúne todos os componentes de comunicação que chamam a atenção do usuário:  palavras, imagens e sons. Portanto, a bola da vez é o botão de reprodução.

Agora em 2016, o conteúdo em vídeo vai continuar em alta. Ou melhor, arriscamos a dizer que a importância do conteúdo visual será maior do que jamais foi. Quem pretende estar bem posicionado no Google provavelmente terá que investir em vídeos, infográficos e gráficos nos próximos 12 meses.

Segundo um infográfico apresentado pela HighQ, os vídeos online representam atualmente cerca de 50% do tráfego móvel. E os números seguem apontando tendências; por exemplo,  65% dos usuários assistem mais de 3/4 dos vídeos e cerca de 78% das pessoas assistem vídeos online todas as semanas. Mais do que isso, 55% o fazem simplesmente todos os dias. Essas estatísticas mostram a importância de começar a implementar o vídeo dentro da sua estratégia de marketing de conteúdo. Vamos falar mais sobre isso:

Quais as vantagens do vídeo no marketing de conteúdo?

A mensagem transmitida por vídeo é atraente, rápida e ainda prioriza exatamente o que precisa ser visto. Quando a imagem encanta, o consumidor sente-se envolvido e mais predisposto a caminhar pela jornada de compras.
Assim, além de serem aliados no aumento das vendas, os vídeos são instrumentos importantes para mobilizar o público interno e ainda contribui para o engajamento tanto dos colaboradores quanto da sociedade em geral. Em suma, um minuto e meio de um vídeo bem elaborado pode definitivamente transformar toda a sua estratégia de marketing em um verdadeiro fenômeno da comunicação.

O vídeo facilita a absorção do conteúdo e, segundo alguns experts, em 2015, 57% do tráfego dentro da internet foi realizado por usuários interessados em informações apresentadas utilizando essa ferramenta. Essa estatística é realmente
chamativa porque, afinal, significa que mais da metade das pessoas que acessaram a rede no ano que passou o fizeram assistindo vídeos. E dentre esses usuários, destaca-se a presença dos grandes executivos à frente de multinacionais. O número de profissionais que começaram a utilizar vídeos como forma de conhecer mais sobre um assunto aumentou cerca de 80% em relação a 2014. Além disso, 54% dos profissionais compartilharam os vídeos que discutiam os temas mais pertinentes ao trabalho com seus colegas. E ainda fazem isso semanalmente.

Por que investir em vídeos no marketing de conteúdo?

Os empreendedores estão investindo pesado nos vídeos devido aos seus resultados consistentes. Somente a utilização da palavra “vídeo” aumenta o engajamento com o público que resulta na ampla difusão de um empreendimento. Usar a palavra vídeo dentro do assunto de um e-mail, por exemplo, aumenta em mais de 19% a chance de abertura do e-mail e ainda gera um aumento de 65% de cliques. Além disso, reduz-se em 26% o cancelamento do envio de e-mails.

Outro dado importante para quem não quer perder mais tempo em incluir esse formato em sua estratégia de conteúdo é que 52% dos especialistas em marketing afirmam que conteúdos apresentados em vídeo geram maior retorno de investimento. Os experts afirmam que em 2017 os vídeos representarão 69% do tráfego online e em 2018 esse número aumentará para 79%.

Em resumo, o vídeo te ajudar a se estabelecer como autoridade, aumenta o engajamento com seu público, apresenta um conteúdo altamente didático e uma ampla diversidade de formatos.

Como investir em vídeos no Marketing de Conteúdo?

Se as áreas de Comunicação e Marketing da sua companhia não possuem estruturas adequadas, existem duas alternativas: ou montar essa estrutura ou contratar uma empresa para desenvolver esses vídeos. Ter uma estrutura dentro
da própria organização é uma solução possível, no entanto, exige tempo e colaboradores profissionais. Assim, a contratação de uma empresa especializada pode ser uma opção viável para a maioria. Para te inspirar, separamos alguns cases de sucesso:

1) Colgate: Através de vídeos educacionais, a empresa consegue orientar seus clientes. Dê uma olhada no portfólio deles.

2) Louis Vitton: Os vídeos tem uma função de fomentar a discussão entre os colaboradores, realizar o treinamento e ainda estimular ações de comunicação interna da empresa.

E você? Utiliza o vídeo dentro da sua estratégia de conteúdo? Compartilhe conosco sua opinião!E caso queira saber como a Contentools trabalha com vídeos, acesse: 7 vídeos para colocar sua estratégia de conteúdo em ação!

fonte: http://contentools.com.br/marketing-de-conteudo/por-que-os-videos-devem-fazer-parte-da-sua-estrategia-de-contetudo/

Entre em contato

14 32431443
Whatsapp: 14 99133 6965
Av, Getúlio Vargas, 18-46  SALA 213
atendimento@spcentro.com.br

Siga-nos

/spcentro /spcentro
SPCENTRO - DIREITOS RESERVADOS - 2018